PORTES GRÁTIS PARA PORTUGAL CONTINENTAL EM COMPRAS SUPERIORES A €100

Vinho Licoroso Bastardinho de Azeitão 40 Anos . José Maria da Fonseca

José Maria da Fonseca

Após longuíssimos anos de envelhecimento do Bastardinho de Azeitão (Trousseau), chegamos ao fim deste extraordinário néctar da Península de Setúbal. Durante muito tempo fizemos o 25 anos, mais tarde o 20 anos e a seguir devido ao envelhecimento das bases passámos ao 30 anos. Este ano, não sendo possível manter o perfil do mesmo, tivemos de avançar para o 40 anos. Aqui a colheita mais nova tem 40 e poucos anos e a mais velha cerca de 80.

Este vinho deve ser apreciado com grande rigor e solenidade, pois são os últimos 2300 litros.

Nota de interesse: Estas vinhas existiam entre a Costa da Caparica e o Lavradio tendo sido arrancadas devido ao crescimento urbanístico. Em 1983 foi-nos entregue a última tonelada de uvas provenientes de uma vinha com cerca de 90 anos, cujas uvas tinham um potencial de álcool provável de 18º. Para prevenir a sua extinção plantámos em 2005 meio hectare numa das nossas propriedades.

O Bastardinho 40 anos é um vinho de aromas muito intensos e complexos, de grande densidade na boca e com um final de prova muito prolongado e equilibrado, dada a acidez que ainda mantém.
A José Maria da Fonseca plantou em 2005 meio hectare de Bastardo (Trousseau) numa das suas propriedades, sendo que dificilmente conseguirá condições para produção de um vinho semelhante num futuro próximo.

Classificação: Vinho Licoroso
Castas: Bastardo (Trousseau)
Região: Península de Setúbal
Tipo de Solo: Argiloso
Produção de Vinho: Os últimos 2.300 Litros

Notas de Prova:
Cor: Âmbar muito carregado com aurela verde bem marcada e fundo vermelho.
Aroma: Extremamente frutado a amêndoa, avelãs, cravinho, nozes, figos, mel. Subtileza, elegância e grande equilíbrio.
Paladar: Finess, frescura, macieza, muito elegante, excelente relação açúcar/acidez.
Final de Prova:. Longuíssimo.

Vinificação: A sua fermentação era parada por adição de aguardente vínica, e tinha uma maceração pelicular de 5 meses.

Envelhecimento: Em cascos de madeira usada.

Modo de Servir: Como aperitivo ou vinho de sobremesa a 16ºC.
Longevidade Prevista: Este vinho foi submetido, no seu envelhecimento, a um processo natural de oxidação. Assim, não existe evolução após engarrafamento. Se o armazenamento da garrafa, após aberta, for feito de modo correcto, este vinho manter-se-á idêntico por muitos anos.

O Bastardinho de Azeitão 40 anos conquistou o Prémio Excelência – Melhores do Ano 2017, com 18,5 pontos, na gala da Revista de Vinhos, organizada na Alfândega do Porto.

O Bastardinho de Azeitão 40 anos foi considerado um dos melhores vinhos de 2017 para o painel de provas da “VINHO Grandes Escolhas”, integrando o top 30 desta revista.





Itens Relacionados